NÃO DEIXE DE VER A COLEÇÃO EXEMPLO! 

Acesse pelo menu! Cadastrando sua coleção você também poderá ver quais cédulas possui em qualquer listagem do site na qual estiver navegando, através das estrelas indicativas e das cores com a classificação da unidade mais bem avaliada para uma determinada cédula que tenha duplicada!

Vantagens:

Quando você cadastra a sua coleção de cédulas brasileiras no nosso site www.cedulasbr.com.br, você passa a ter informações adicionais sobre ela, como por exemplo, um acesso direto aos dados de valores numismáticos de cada unidade, através de uma listagem similar a que demonstramos os dados de catálogos.

O que vem por aí:

    • Totalização do valor da coleção, em US$ e R$;
    • Controle de aquisição (origem, data, valor);
    • Evolução do valor numismático de uma cédula ao longo do tempo;
    • Avaliação da classificação de uma cédula a partir de sua imagem digitalizada utilizando inteligência artificial (redes neurais) para identificação de padrões (futuro);

Privacidade:

Acesse nossos termos de Privacidade

Como criar sua própria coleção no site:

 Faça o download da planilha modelo Coleção_Rev1, crie uma cópia e a preencha conforme a seguir:

      • Código RC: Esse é o código que criamos para representar cada uma das cédulas brasileiras. A atualização do código internacional é mais demorada e eventualmente não inclui alguma unidade considerada colecionável pelos numismatas brasileiros. O código nacional é a maior referência utilizada comercialmente no Brasil, entretanto, a cada lançamento de uma nova edição tem ocorrido variações nos códigos das cédulas mais recentes. Assim, optamos pela criação de nosso próprio código, que não se altera em função das edições, mas mantém um vínculo fiel à última versão do catálogo informada como referência;
      • Classificação: Com base na sua experiência, na classificação informada pelo seu fornecedor ou mesmo nas informações sobre esse tema no site, inclua a classificação que deseja para sua cédula. Essa informação será utilizada para a definição do valor numismático da cédula de sua coleção (FE: Flor de Estampa; S: Soberba; MBC: Muito Bem Conservada; BC: Bem Conservada; R: Regular; UTG: Um Tanto Gasta;);
      • Série: Número da série a qual a cédula pertence. Para a família dos réis e cruzeiros de 1942 a numeração das séries é explícita. Para a família dos cruzeiros de 1970, a numeração da série corresponde aos 5 primeiros dígitos do numeral impresso. A partir dos cruzeiros de 1984, a numeração da série passa a ter apemas 4 dígitos, valendo até a primeira família do real, inclusive. Para a segunda família do real, o número impresso perde a representação até então adotada. Ele deve ser lançado integralmente nesse campo da planilha;
      • Número: Cada cédula é única e identificável, e esse fato é um dos mais interessantes para o colecionismo de cédulas, diferentemente das moedas que são idênticas para um mesmo ano de fabricação. Assim, as cédulas de réis e cruzeiros de 1942 possuem essa numeração separada da numeração da série e é facilmente identificada. a partir de então, a numeração sequencial de fabricação das cédulas passa a ser o restante do número impresso, desconsiderando-se o número de série. Para a segunda família do real, o número impresso se torna com um significado mais imprevisível, dificultando a fabricação de cédulas falsas. No nosso caso, o consideraremos integralmente como número de série;
      • Letras: As letras podem ter vários significados. Surgiram a partir dos cruzeiros de 1970, porém podem ser vistas em algumas cédulas da família dos réis. Nos cruzeiros de 1970, a letra indicava a estampa, ou modelo gráfico da cédula. A partir dos cruzeiros de 1984 até a primeira família do real, inclusive, adotou-se a utilização de 2 letras, sendo a primeira para indicar a série (normalmente variando de 0000 a 9999) e a segunda para indicar a estampa. Na segunda família do real, a primeira letra se refere ao ano de fabricação, onde A é o ano incial. A segunda letra indica o mês de fabricação da cédula (A-janeiro, B-fevereiro, etc). Apesar de não ter ocorrido até o início de 2015 nenhuma variação de estampa da segunda família do real, ela poderá ser observada no ano impresso no reverso das cédulas. Até então, todas foram criadas em 2010, mesmo aquelas lançadas em anos posteriores;
      • Valor de Aquisição: Informe aqui o valor desembolsado para obtenção da cédula, se for o caso;
      • Valor Estimado: Informe aqui o valor que, eventualmente, você deseja "forçar" para uma determinada cédula. Nas páginas dos detalhes da coleção, os valores computados para se obter o total da sua coleção serão de catálogos, exceto para aqueles que quiser "forçar" nesse campo. Alguns valores para determinadas classificações de cédulas não constam em catálogo e podem ser atribuídos nesse campo também para compor a valoração de sua coleção;
      • Data da Aquisição: Informe a data que a cédula passou a fazer parte de sua coleção;
      • Origem: Informe o fornecedor de sua cédula, ou mesmo o nome de quem lhe deu, se for o caso;
      • Local: Informe o local onde a cédula está armazenada. Ela pode estar no seu álbum ou guardada em um cofre, caso seja uma duplicada. Considere cadastrar como no "Álbum", uma única cédula, sendo esta a melhor classificada de sua coleção para aquele código. Essa informação será utilizada para a marcação nas listagens de sua coleção (estrelas), como sendo a sua melhor cédula para aquele código;
      • Observação: Informe aqui qualquer dado que julgue importante para associar a cédula em questão. Por exemplo, se a cédula é falsa ou se foi vendida ou retirada de sua coleção por algum outro motivo.

Mantenha uma cópia da planilha sempre com você. Quando houver alterações em sua coleção, atualize-a;

Envie a planilha por email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., para criar a sua coleção no site e sempre que houver alterações. Você será informado quando os dados estiverem disponíveis;

Faz parte de nossos planos desenvolver no nosso site mecanismos que facilitem esse cadastro e a manutenção dos dados pelo próprio usuário;

Importante:

O site www.cedulasbr.com.br foi criado apenas com o intuito de prover ao seu idealizador uma ferramenta informatizada que permitisse o controle de sua coleção, agregando algumas facilidades nessa gestão, como a utilização de um catálogo digital. Até o presente (dezembro/2016) não existe nenhum interesse comercial na utilização desse site, apenas o compartilhamento de informações que favoreçam a promoção de uma parte de nossa cultura e história. Caso esse cenário se modifique, os usuários cadastrados até o momento dessa decisão estarão com seus direitos garantidos, sem que haja a previsão de nenhum ônus para os recursos que até aquela data estiverem usufruindo, ficando sujeitos a restrições apenas às funcionalidades que porventura se tornarem disponíveis no site após a data de mudança, a ser devida e previamente comunicada.